Escrever cartas

por paula al

Retomei uma ideia de há uns anos, oferecida a algumas crianças da família. Quando o fiz, não sei quem ficou mais  surpreso: se eu, se elas. “Para que serve isto?”, perguntaram.

Felizmente, foi uma das minhas crianças que tratou de explicar o conceito. Escrever uma mensagem, ou fazer um desenho, e enviar para alguém , pelo correio.

Estes conjuntos, numa capa de papel canelado, têm 10 envelopes coloridos, feitos um a um, presos por um elástico, e um bloco de linhas ou liso (pré-feito). Se o bloco acabar, sai e pode pôr-se outro.

O maior desafio foram os envelopes. Fiz vários testes de dobragens de folhas A4, mas não fiquei convencida. Embora fique com pena, resolvi jogar pelo seguro e fazer o tamanho padronizado, através do molde de um envelope autêntico, para ter a certeza de que poderá seguir no correio, sem problema.

As cartas podem já não servir para “tratar de assuntos”, mas ao menos que se mantenham pelo valor do gesto, que sejam especiais. Espero que estes conjuntos sirvam para isso mesmo.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: